segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Joelson Cruz é contemplado no Prêmio de Teatro Myriam Muniz 2009

Joelson Cruz e Tadica Veiga. Foto: Divulgação


A peça "O jacaré" receberá o patrocínio de R$80.000,00. Imagem: Divulgação



+ ARTES


16/10/2009

Joelson Cruz é contemplado no Prêmio de Teatro Myriam Muniz 2009 A Fundação Nacional de Artes - Funarte, divulgou no dia 7 de outubro, a lista dos projetos contemplados pelo Prêmio de Teatro Myriam Muniz 2009 e Joelson Cruz é um dos 86 felizardos. Ele concorreu com 2.053 inscritos de todo o Brasil, entre companhias, grupos, empresas, associações, cooperativas e artistas independentes. A peça "O jacaré" receberá o patrocínio de R$80.000,00. O projeto que terá o patrocínio da Funarte é a montagem teatral da peça O Jacaré, um espetáculo de rua com bonecos gigantes e as apresentações estão previstas para 2010 nos municípios de Curitiba, Região Metropolitana de Curitiba e Litoral.É um merecido reconhecimento de um juri especializado de teatro a nível nacional, pelo trabalho de Joelson: dramaturgo, ator e diretor de teatro que juntamente com a Tadica Veiga, mestre bonequeira, atriz e produtora, vêm desenvolvendo o projeto O Boneco e a Sociedade em São José dos Pinhais, há 10 anos, trazidos pelo então Prefeito Setim, responsáveis pela criação do Museu do Boneco Animado, o primeiro do gênero no país, Ciclo de Popularização das Artes Cênicas nos bairros, Escola Livre de Teatro que teve em 2008, 940 alunos, Carnaval do Boneco Animado, que teve em 2009, 12.000 espectadores e 2005 foliões da comunidade sãojoseense.Infelizmente a atual administração municipal não quis renovar o contrato com a Companhia dos Ventos e o projeto atualmente está sem o patrocínio do governo municipal, causando a descontinuidade de alguns trabalhos, mas o projeto O Boneco e a Sociedade continua em novo endereço em São José dos Pinhais (Rua Isabel Redentora, 643 - tel. 3383-3161) e agora, em busca de patrocínios de outras esferas.O Instituto MMAIS apoiou o projeto, ajudando a formatar e enviar a Brasília para concorrer ao prêmio. O projeto contou também com o apoio do vereador Joel Almeida que ajudou na impressão dos trabalhos. O Instituto MMAIS em seu compromisso estatutário na "divulgação da cultura, defesa e conservação do patrimônio histórico e artístico", apoia os empreendedores que fazem a diferença em nossa terra.