quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Comissão da América-Latina de Teatro de bonecos


Presidente: Susanita Freire (Brasil)

Conselheiro / Conselheira: Ana Maria Ossa Allendes (Chile)
Membros /: Membros:
- Unima Argentina - Alicia Gerhardt
- Unima Brasil - Tadica Veiga
- Unima Chile - Carmen Luz Maturana
- Unima Colômbia - Carlos Andrés Velásquez
- Unima Cuba - Rubén Darío Salazar
- Unima México - César Tavera
- Unima Peru - Jordi Valderrama
- Unima Uruguai - Analía Brun
Correspondentes países:
De correspondentes dois países:
- Argentina: Graciela Molina
- Brasil: Conceição Rosière
- Chile: Andrea Gaete
- Colômbia: Edgar Hernan Moreno
- Cuba: Pedro Valdes Abacaxi
- México: Cecilia Andres
- Uruguai: Tamara Couto
- Espanha: Joaquin Hernandez
Contatos / Contatos:
- Bolívia: Cesar Siles
- Costa Rica: Kembly Aguilar
- Equador: Julio Falconi
- Guatemala: William Santillana
- Nicarágua: Gonzalo Cuellar
- Venezuela: Ivan Hernandez Rojas
Webmaster e Sênior: Guilliot Fabrice (França)
Conexão / Conexão com:
- Comissão Norte-Americana: Manuel Moran-Martinez (EUA / Porto Rico)
- Cultural Exchange Commission: Angel Alberto Casado e Cebreiro (Espanha)
- Comissão de Formação Profissional: Tito Lorefice (Argentina)


A arte dos Títeres na América Latina, é um mosaico de culturas, com influências européias e Africanas, hoje é rica em suas próprias tradições.
A Comissão pretende, nos próximos quatro anos:
- Desenvolver a troca de informações, estimular o crescimento de grupos de títeres e da formação de novos centros Unima com novos parceiros e colaboradores.
- Criar e fortalecer os vínculos com outras Comissões continentais com quem compartilhamos uma parte de nossa história de marionetes, e com outros grupos de trabalho envolvidos aspectos Unima técnicos do fantoche.
- Apoiar e iniciar projetos que a conservação de acervos, o reconhecimento da arte tradicional do títere, específico para determinados países ou áreas deste vasto continente.
Em definitivo, trabalhar para os bonecos Latinoamericanos: viva, atual, conhecido e reconhecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário